quinta-feira, 31 de dezembro de 2009


"Tu pouco dás quando dás de tuas posses. É quando dás de ti próprio que realmente estás dando. É belo dar quando solicitado; é mais belo ainda dar quando não solicitado; dar por haver apenas compreendido." Calil Gibran

quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

Agradecendo...






Queridos amigos virtuais, procurando algo realmente significativo, que pudesse aproximar-se do que desejo transmitir-lhes nesse momento, encontrei esse video(link acima), no qual Fernanda Monte Negro é porta voz de um lindo texto, cujas palavras, tantas vezes, li em canalizações de Kryon e outras entidades de luz. Acredito verdadeiramente em seu conteúdo, embora sinta muita resistência, no dia a dia, para aplicá-lo. Tudo pode ser mais simples, sim...Vamos entender que a felicidade está no centro, dentro, em volta, basta não nos perdermos, não permitirmos que nos roubem a nossa verdade, nos mantermos em comunhão com o sagrado, que sussurra, tão docemente, em nossos ouvidos, desejando que possamos perceber que não estamos sós. Temos uma bússola interna, "somos uma oração em movimento". Nunca se esqueçam de agradecer, pois, todos os dias, pequenos milagres acontecem para quem está pronto para receber...Então, termino 2009 agradecendo por todos os pequenos milagres que me aconteceram, que me encheram da certeza de que eu não preciso enxergar para acreditar. Primeiro eu sinto, deixo o coração e a alma no comando, depois, eu simplesmente acredito...E, então, os milagres acontecem...
Muito obrigada
Muito obrigada
Muito obrigada...

Boas festas!!
Desejo muita PAZ em seus corações e que em possam vivenciar a Luz Crística em unidade e em verdade!

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009






Tô relendo minha lida, minha alma, meus amores


Tô revendo minha vida, minha luta, meus valores


Refazendo minhas forças, minha fonte, meus favores


Te regando minhas folhas, minhas faces, minhas flores


Tô limpando minha casa, minha cama, meu quartinho


Tô soprando minha brasa minha brisa, meu anjinho


Tô bebendo minhas culpas, meu veneno, meu vinho


Escrevendo minhas cartas, meu começo, meu caminho


Estou podando meu jardim


Estou cuidando bem de mim


Estou podando meu jardim


Estou cuidando bem de mim


Meu Jardim- Vander Lee

segunda-feira, 30 de novembro de 2009


"Imagine uma nova história para sua vida.. e depois acredite nela.” (Paulo Coelho)

domingo, 22 de novembro de 2009


“Experimente ser como um oceano. Vá tão profundo quanto quiser nessa viagem. Ondas fortes virão na superfície mas você pode mergulhar e encontrar paz. O oceano é ilimitado. Veja onde o mar encontra o céu. O mar vai fundo, o céu vai alto. Veja o horizonte, quase não dá para ver onde o mar termina e onde o céu começa. Torne seu intelecto tão ilimitado como o oceano. As situações podem surgir na superfície da vida mas você permanece tão inabalável como a quietude do fundo do mar. Isso é possível através da meditação." Dadi Janki Mensagem do Brahma Kumaris


quinta-feira, 12 de novembro de 2009



Não se envaideça de nada que você tenha
Ou pelo que você é.
A vaidade e o orgulho são os piores sentimentos que
você pode ter no seu interior.
Tudo nessa vida é transitório.
Nenhum bem é eterno.
Eterna mesmo, somente a vida
Orlando Ferraz



segunda-feira, 2 de novembro de 2009


A vela se acende
E o tempo não apaga
O vento passeia, carrega a tua fala
Palavras arranham sentimentos...
A dor não chorada
É a dor aprisionada
Faz frio, faz calor,
Ai de mim que não sei o que é o amor.
No arrepio das entranhas,
Canto uma canção
Minha voz não é desse mundo,
Também não é meu coração.
Quando eu chegar a meu destino,
Descansarei meu corpo e minha alma.
Saberei quem sou, quem fui,
Deixarei pra trás o medo,
Voarei pra além de todos os segredos...
Comigo, fica apenas uma lembrança:
A de um olhar que nunca foi meu
A de um beijo que nunca aconteceu...
Lílian Baroni

sábado, 24 de outubro de 2009



Porque me desfalece o corpo, numa angustia doce,
De quem já vai, para nunca mais voltar.
Abre-se a porta de um novo mundo, no qual mergulho, em desespero. Na água, estou eu e os meus erros. Quero refazer, quero recriar, quero retornar a mim e aos milagres que nunca tentei realizar.
Talvez volte e, novamente, só faça errar...
Mas talvez venha com graça e descubra o amor correspondido,
o beijo e o suspiro, de quem se entrega a uma verdade,
de quem se conhece e está em paz, em unidade.
Meu Deus, estou cansada. Já não procuro nada além de uma lembrança que possa aquecer o meu coração. Por isso, levarei o meu choro mais bonito, cuja lágrima, em seu tempo de percorrer a face, tenha escrito uma canção, tenha sido, por si mesma, a minha oração.
Levarei também o meu mais leve sorriso, como um sinal de minha disposição para reencontrar o que perdi. Não deixarei aqui o meu abraço. Levo ele e o meu cansaço, para transformar em luz o que antes foi escuridão, em amor, o que foi indiferença e encher a minha alma do conforto, da certeza, de que nunca mais retornará esse vazio, tão cheio de ausências.
De que da próxima vez que escolher voltar, não negarei a minha essência.
Lílian Baroni

Aos amigos virtuais que gostam desse meu espaço de Ser, peço licença pra trazer tanta intensidade. Mas é, na verdade, o exercício da Magia Ser Eu Mesma, seja na alegria ou na tristeza... É assumindo essa intensidade que me encontro, cada vez mais...

Lílian Baroni

Com minha mais pura intenção...




É em mim,
Nessa ponte que me liga aos labirintos do meu ser,
Que existo, em verdade
Não sou bonita
Não sou feia
Sou a energia pura
De todas as emoções que neguei
Todas as lagrimas que já chorei
De todo o amor que já quis pra mim,
E também, de todo o amor que já vi partir...
Permaneço
Nunca voei na liberdade que me faz
Nunca pronunciei a palavra que me esconde
Nunca dancei esse movimento que cresce e explode em suavidade,
Dentro de mim...
Meu espírito, Ele é...
E me faz completa
Mas não permaneço Nele.
Tragam-me os medos
E a poeira dessa vida
Vivida em confusão
Lançam-me em tristeza as cenas de minha prisão
E no mais escuro de minhas escolhas
Acendo a luz de um clarão
E peço...
Que me iluminem o coração...
Autoria: Lílian Baroni

Eu adoro voar

Por Clarice Lispector

Já escondi um AMOR com medo de perdê-lo,
já perdi um AMOR por escondê-lo.
Já segurei nas mãos de alguém por medo, já tive tanto medo,
ao ponto de nem sentir minhas mãos.
Já expulsei pessoas que amava de minha vida,
já me arrependi por isso.
Já passei noites chorando até pegar no sono, já fui dormir tão feliz,
ao ponto de nem conseguir fechar os olhos.
Já acreditei em amores perfeitos, já descobri que eles não existem.
Já amei pessoas que me decepcionaram,
já decepcionei pessoas que me amaram.
Já passei horas na frente do espelho tentando descobrir quem sou,
já tive tanta certeza de mim, ao ponto de querer sumir.
Já menti e me arrependi depois, já falei a verdade e também me arrependi.
Já fingi não dar importância às pessoas que amava,
para mais tarde chorar quieta em meu canto.
Já sorri chorando lágrimas de tristeza, já chorei de tanto rir.
Já acreditei em pessoas que não valiam a pena,
já deixei de acreditar nas que realmente valiam.
Já tive crises de riso quando não podia.
Já quebrei pratos, copos e vasos, de raiva.
Já senti muita falta de alguém, mas nunca lhe disse.
Já gritei quando deveria calar, já calei quando deveria gritar.
Muitas vezes deixei de falar o que penso para agradar uns,
outras vezes falei o que não pensava para magoar outros.
Já fingi ser o que não sou para agradar uns,
já fingi ser o que não sou para desagradar outros.
Já contei piadas e mais piadas sem graça, apenas para ver um amigo feliz.
Já inventei histórias com final feliz para dar esperança a quem precisava.
Já sonhei demais, ao ponto de confundir com a realidade…
Já tive medo do escuro, hoje no escuro “me acho, me agacho, fico ali”.
Já cai inúmeras vezes achando que não iria me reerguer,
já me reergui inúmeras vezes achando que não cairia mais.
Já liguei para quem não queria apenas para não ligar para quem realmente queria.
Já corri atrás de um carro, por ele levar embora, quem eu amava.
Já chamei pela mamãe no meio da noite fugindo de um pesadelo.
Mas ela não apareceu e foi um pesadelo maior ainda.
Já chamei pessoas próximas de “amigo” e descobri que não eram…
Algumas pessoas nunca precisei chamar de nada e sempre foram e serão especiais para mim.
Não me dêem fórmulas certas, porque eu não espero acertar sempre.
Não me mostre o que esperam de mim, porque vou seguir meu coração!
Não me façam ser o que não sou, não me convidem a ser igual,
porque sinceramente sou diferente!
Não sei amar pela metade, não sei viver de mentiras,
não sei voar com os pés no chão.
Sou sempre eu mesma, mas com certeza não serei a mesma pra SEMPRE!
Gosto dos venenos mais lentos, das bebidas mais amargas,
das drogas mais poderosas, das idéias mais insanas,
dos pensamentos mais complexos, dos sentimentos mais fortes.
Tenho um apetite voraz e os delírios mais loucos.
Você pode até me empurrar de um penhasco que eu vou dizer:
- E daí? EU ADORO VOAR!

sexta-feira, 23 de outubro de 2009





...Tudo o que sonho ou passo, o que me falha ou finda,
é como que um terraço, sobre outra coisa ainda.
Essa coisa, é que é linda!
(Fernando Pessoa)


segunda-feira, 12 de outubro de 2009







"A criança que fui chora na estrada.

Deixei-a ali quando vim ser quem sou;

Mas hoje, vendo que o que sou é nada,

Quero ir buscar quem fui onde ficou.





...



...Meu Deus! Meu Deus!

Quem sou, que desconheço

O que sinto que sou?

Quem quero ser

Mora, distante, onde meu ser esqueço,

Parte, remoto, para me não ter." Fernando Pessoa

.
.


"E essa saudade que eu sinto, de tudo o que ainda não vi",
depois de muitas vidas vividas,
muitas trocas de pele,
cicatrizes tatuadas na alma...
Essa saudade é de mim mesma...
Essa saudade é de todos os potenciais que não manifestei.
Então, deixo-me revelar para a vida...
Porque em mim habita, ainda, a magia da criança.
Eu ainda sei levitar...

Lílian Baroni

domingo, 27 de setembro de 2009

O Guerreiro da Luz Eterna





O Guerreiro da Luz sabe que cada batalha contém os ensinamentos

que o levarão à conquista da próxima;


.

Sabe que pequenas conquistas levam às grandes vitórias...


.

Sabe que o combate mais acirrado da vida é travado no coração do homem que está em busca da plenitude

Da harmonia,

De sua própria essência...




Frases do Livro O Guerreiro da Luz Eterna, de Wagner Cunha.

Recomendo!!

Confira link de divulgação: http://www.youtube.com/watch?v=3vd5Arb5zAI

sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Meu Deus...





Ajuda-me a dizer a palavra da verdade na cara dos fortes, e a não mentir para obter o aplauso dos débeis.
Se me dás dinheiro, não tomes a minha felicidade, e se me dás forças, não tires o meu raciocínio. Se me dás êxito, não me tires a humildade, se me dás humildade, não tires a minha dignidade.
Ajuda-me a conhecer a outra face da realidade, e não me deixes acusar os meus adversários, apodando-os de traidores, porque não partilham o meu critério.
Ensina-me a amar os outros como me amo a mim mesmo, e a julgar-me como o faço com os outros.
Não me deixes embriagar com o êxito, quando o consigo, nem a desesperar, se fracasso. Sobretudo, faz-me sempre recordar que o fracasso é a prova que antecede o êxito.
Ensina-me que a tolerância é o mais alto grau da força e que o desejo de vingança é a primeira manifestação da debilidade.
Se me despojas do dinheiro, deixa-me a esperança, e se me despojas do êxito, deixa-me a força de vontade para poder vencer o fracasso.
Se me despojas do dom da saúde deixa-me a graça da fé.
Se causo dano a alguém, dá-me a força da desculpa,
e se alguém me causa dano, dá-me a força do perdão e da clemência.

Meu Deus, se me esquecer de Ti,
Tu não Te esqueças de mim.


autor: Mahatma Gandhi

segunda-feira, 10 de agosto de 2009



"É dentro de cada um que vive uma luz que nunca desiste. É aí que todas as perguntas são respondidas e todos os sonhos se realizam. É essa luz que lhe mostra o melhor caminho e que faz acontecer o melhor do seu jeito. Confie nessa conexão de amor que o move para que tudo dê certo...

E tudo sempre dá, magicamente, certo!"

(trecho extraído do livro Universo em Você)

sábado, 18 de julho de 2009


És expressão única do milagre da vida,
sustentada pelo Amor Maior que te criou.
Há em ti a beleza, a leveza de um Sopro de Luz,
manifestando-se temporariamente em corpo de matéria,
que é teu amoroso instrumento de evolução...
Sustentas a vida em teu ser, único, singular...
Somente em tuas mãos está o Poder de escolher o teu caminho;
Somente em tuas mãos está o Poder de amar-se,
de respeitar-se,
de viver plenamente todo o teu potencial de Luz...
.
Acredite no teu potencial de Luz...
Ele deve guiar as tuas ações,
espelhando o ser amoroso que existe em teu âmago...
Sejas a tua Verdade, sejas a Vontade cada vez maior
de superar os teus temores existenciais...
Reconhece-te como vida imortal e apenas a coragem,
a certeza, a segurança na tua sabedoria interior, te acompanharão...
Para tal é preciso que experimentes, por ti mesmo,
todo o potencial de Amor que trazes em tua alma...
.
Se não te amas , não poderás sentir,
vivenciar o amor por teu semelhante,
posto que está primeiro em ti,
vivenciar o Caminho do Amor,
a Verdade no Amor,
a Vida em Amor...
Caminho que a tua alma deve escolher...
Verdade que tuas ações devem expressar
Vida, que teu Amor, tua Luz deve revelar...
.
Siga a Voz do teu coração...
Não temas o mundo que te pede que
atendas aos chamados do egóico poder...
O Poder verdadeiro está no viver a condição humana
tomado pelo desejo de evolução,
de transpor os limites das antigas imperfeições,
e alcançar o cume do teu potencialde Amor,
de Perdão,
de Compaixão,
de Liberdade,
de Evolução.
.
Teu coração é o templo das tuas emoções...
Viestes a este plano aprender a ser a expressão do teu conteúdo de Amor,
para praticar a beleza que sob as sombras da mente,
vibra como sol
em céu sem nenhum véu de nuvens a impedir a plena expansão de sua Luz...
Vive na certeza, na posse da tua individualidade insubstituível,
posto que és alma única,
és expressão única da Luz dentro de Universo,
salpicado de seres, que, como tu,
são Verdades únicas da Criação...
.
Reflita sobre a tua condição de ser imortal,
de ser singular,
que a cada dia tem oportunidade renovada de elevar-se
perante o seu direito à felicidade...
Portanto, ama-te,
reconhece em ti a criatura em desenvolvimento do seu potencial de Amor,
de Luz...
Ama o teu semelhante...
veja nele o companheiro de jornada,
que pode caminhar em diferente compasso,
mas que possui a mesma Luz que há em ti...
.
Trabalhe por este objetivo...
a recompensa é a tua libertação,
é a tua plenitude,
é a tua felicidade.
.
Mensagem do Mestre Conscius-Antares, canalizada por Claudia, do Conexões de Luz(http://conexoesdeluz.blogspot.com/).

quinta-feira, 9 de julho de 2009

O poder das palavras


Photo Cube



Todos os dias declare a você mesmo o que deseja da vida. Fale como se já o possuísse!
Louise L. Hay



Siga a verdade interior



Eu sinto como se só existisse aos olhos de outro. Sinto-me tão irreal. O que posso fazer, ou não fazer?
A primeira coisa: não é só você que somente existe nos olhos de outros; todo mundo existe dessa maneira. Este é o modo comum da existência. Você usa o outro como um espelho. A opinião dos outros se torna muito importante, de imenso valor, por que essas opiniões o definem. Alguém diz que você é tão bonito(a); naquele momento você se torna bonito(a). Alguém diz que você é um tolo(a); nesse momento você começa a suspeitar; talvez você é um tolo? Você pode ficar enraivecido, você pode negar, mas lá no fundo você suspeita de sua inteligência…
Se você que saber quem você é, terá que fechar seus olhos; terá que se voltar para dentro de si. Você terá que esquecer todo o mundo, terá que esquecer o que dizem sobre você. Você terá que ir para bem dentro de si e encontrar a sua própria realidade.
É isto que estou ensinando aqui – a não depender dos outros, não olhar nos olhos deles. Não há respostas em seus olhos. Eles são tão inconscientes quanto você – como poderiam te definir?
Você está olhando nos olhos dos outros para encontrar quem você é. Sim, algumas reflexões estão lá, a sua face está refletida. Porém a sua face não é você; você está muito além da sua face. A sua face tem mudado tanto que você não pode ser ela.
… Você não é a face. Em algum lugar lá fundo está escondida a sua consciência; ela nunca é refletida nos olhos de ninguém. Sim, algumas coisas são refletidas: as suas ações. Você faz algo; e isso é refletido nos olhos de alguém. Mas as suas ações não são você. Você é imensamente maior do que suas ações…
O seu ser nunca é refletido nos olhos dos outros. O seu ser você só poderá conhecer de um jeito… e este é fechando os seus olhos para todos os espelhos. Você precisa entrar em sua própria existência interior, para encará-lo diretamente. Ninguém poderá lhe dar uma ideia disso, do que é. Você pode saber, mas não pelos outros. Isso nunca poderá ser um conhecimento emprestado, somente uma experiência direta, uma experimentação direta, imediata.
(The Discipline of Transcendence)

Texto retirado do blog http://inconscientecoletivo.net/category/osho/

quarta-feira, 8 de julho de 2009

Kryon



Vou perguntar-vos uma coisa: Onde está o vosso maior tesouro? Alguns dirão: “Certo, o meu maior tesouro não são os diamantes ou o ouro. Eu quero sentir-me livre do ódio que tenho por isto e por aquilo. Quero deixar de me preocupar. Desejo que a vida da minha família seja clara e limpa. Esse seria o meu maior tesouro, se pudesse pedir alguma coisa”. Outros dirão, “Ah! Se eu pudesse recuperar a minha saúde! Estou tão preocupado pelo que está a carcomer o meu corpo, que já nem tenho controlo sobre ele. E estou muito assustado”. Assim sendo, o vosso maior tesouro seria eliminar estas coisas, resolvê-las, encontrar soluções. Bem, as vossas Salas da Paz estão interligadas com as vossas Salas de Abundância. A vida diária tem a ver com essas salas! Começa na Sala Dourada porque a Sala da Auto-Estima gera a Sala da Paz. E a Paz cria o equilíbrio, e é ali que reside o Tesouro. Os que se perguntam porque é tão difícil, financeiramente, ir de um lugar para outro ou de aqui para além, devem retroceder até estas duas Salas. Primeiro instalem-se na Sala Dourada; depois sigam para a Sala da Paz, à qual se segue a Sala da Abundância. Cuidem de vós mesmos e dos vossos corações. Todo o resto virá por acréscimo. Isto é prático. Faz-se dia a dia. E, além disso, funciona!

Trecho do Livro 6 de Kryon-canalizado por Lee Carroll

segunda-feira, 6 de julho de 2009






"Para aliviar a noite, torne-se o dia."



sábado, 4 de julho de 2009



Mantra

OM MANI PADME HUM


SIGNIFICADO:
Recebemos a jóia da consciencia divina no centro do nosso chakra coroa, que nos traz a sabedoria discriminativa, o discernimento.
.



Você é o sol sagrado de Deus.
Não espere menos que isso.Você, trabalhador da luz, esta relembrando aos poucos; está acendendo o farol. A relação ovelha-pastor esta com os dias contados na nova energia. Você já não é mais o discípulo, é o mestre, pois tirou os óculos cujas lentes mal focadas; faziam com que você visse tudo distorcido...Vocês são Divinos, vocês são Unos com Deus; que sua Presença abençoa a Terra; vocês são uma oração em movimento; quando vocês olham para alguém o fazem com os olhos de Deus; quando falam é a voz de Deus; quando tocam é a mão de Deus; e que sua presença é uma bênção para a Terra. Teu único trabalho, pessoa amada, é relembrar. Tua intenção e o teu amor farão com que isso aconteça.
Que assim Seja!
.
Trecho de canalização do SENHOR ASHTAR, ATRAVÉS DE ASHTAR-ATHENA

sexta-feira, 3 de julho de 2009

O Caminho do Mago



Um discípulo procurou certa vez um grande mestre e perguntou:
"Por que me sinto tão contido por dentro, como se eu quisesse
gritar?" O mestre olhou para ele e respondeu: "Porque todo mundo se sente assim." Todos queremos expandir nosso amor e nossa criatividade, explorar nossa natureza espiritual, mas com frequência não alcançamos nosso objetivo. Nós nos trancamos em nossas prisões particulares. Algumas pessoas, contudo, conseguiram se libertar dos confins que tornam a vida tão limitada. Ouçamos o poeta persa Rumi, que diz: "Você é o espírito incondicionado preso nas
condições, como o sol num eclipse." Essa é a voz de um mago, que não aceita que os seres humanos estejam limitados no tempo e no espaço. Estamos apenas temporariamente num eclipse. O objetivo de aprendermos com um mago é encontrar o mago interior. Ao encontrar o guia interior, você encontra a si mesmo. O eu é o sol que brilha eternamente, mas que pode estar passando por um eclipse; tão logo desaparecem as sombras, o sol simplesmente volta a resplandecer em toda a sua glória.
.
Trecho de O Caminho do Mago
Deepack Chopra

quarta-feira, 1 de julho de 2009


"...A mensagem que estou compartilhando é que a verdade está dentro de você e que a paz consistente da mente é a meta que você pode e inevitavelmente tem que atingir, porque esta é a única Realidade. É uma paz que entra na consciência por estar em sintonia com aquela pequena Voz tranqüila de dentro, e desapegando-se da outra voz na mente equivocada, o ego, que é a voz do conflito, medo, e esta discussão é o meio de ajudar cada um de nós a aprender a ouvir somente a Voz por Deus ou a Voz para paz, e desta forma dar um fim no auto engano."
.
Trecho de Um Curso em Milagres

"...O Pensamento Mais Elevado é sempre aquele que é alegre.
A Palavra Mais Clara é sempre aquela que é verdadeira.
O Sentimento Mais Nobre é sempre aquele a que chamam de amor.
Alegria, verdade, amor..."
Trecho do livro Conversando com Deus
de Donald Neale Walsch

quinta-feira, 4 de junho de 2009

Você é responsável





As pessoas freqüentemente fazem com que eu me sinta estúpido, como posso mudar isso?
A mente comum sempre joga a responsabilidade em alguém.
É sempre o outro que está fazendo você sofrer.
A sua esposa está fazendo você sofrer, o seu marido está fazendo você sofrer, os seus pais estão fazendo você sofrer, os seus filhos estão fazendo você sofrer, ou o sistema financeiro da sociedade, capitalismo, comunismo, fascismo, a ideologia política predominante, a estrutura social, ou o destino, carma, Deus… dê o nome que preferir!
As pessoas possuem milhões de maneiras de se esquivar da responsabilidade.
Mas no momento que você diz que outra pessoa - X, Y, Z - está fazendo você sofrer, então você não pode fazer nada para mudar isso. O que poderia fazer?
Quando a sociedade muda, e o comunismo chega e há um mundo sem classes, então todo mundo será feliz. Antes disso, não é possível.
Como você pode ser feliz em uma sociedade que é pobre?
E como você pode ser feliz em uma sociedade que é dominada pelos capitalistas?
Como você pode ser feliz em uma sociedade que é burocrática?
Como você pode ser feliz em uma sociedade que não permite a sua liberdade?
Desculpas e desculpas e desculpas - desculpas somente para evitar uma única ideia que é “Eu sou responsável por mim.
Ninguém mais é responsável por mim; é completa e totalmente minha responsabilidade.
Seja o que for que eu seja, sou minha própria criação.”
Este é o significado do sutra.
Dirija toda a culpa para um
E este um é você.

Uma vez que essa ideia seja compreendida:
“Eu sou responsável pela minha vida - por todo o meu sofrimento, pela minha dor, por tudo que aconteceu comigo e que está acontecendo - eu escolhi dessa maneira; estas são as sementes que eu plantei e que agora estou colhendo os frutos; eu sou responsável - uma vez que esta ideia se torne uma compreensão natural para você, então tudo o mais é simples. Então a vida começa a tomar um novo rumo, começa a se mover para uma nova dimensão. Essa dimensão é conversão, revolução, mutação - por que uma vez que eu saiba que sou responsável, eu também sei que posso me desprender daquilo a qualquer momento que eu decidir. Ninguém pode me impedir de me desprender do sofrimento. Alguém pode impedir você de abandonar a sua miséria, de transformar a sua miséria em felicidade? Ninguém.
Mesmo que você esteja na cadeia, acorrentado, aprisionado, ninguém pode aprisionar VOCÊ; a sua alma continua livre. É claro que você está em uma situação bem limitadora, mas mesmo nesta situação limitadora, você pode cantar uma música. Você pode tanto chorar lágrimas de desamparo, ou pode cantar uma canção. Mesmo com correntes nos seus pés você pode dançar; então até mesmo o som das correntes irá adicionar melodia a isso.

Próximo sutra: Seja grato a todos.
Atisha é realmente muito muito científico. Primeiro ele diz: Tome responsabilidade total por si mesmo. Em segundo ele diz: Seja grato a todos. Agora que ninguém é responsável pela sua miséria a não ser você - se a miséria é toda coisa sua, então o que sobra?
Seja grato a todos.

Por que todo mundo está criando um espaço para você ser transformado - mesmo aqueles que pensam que estão obstruindo você, mesmo esses que você pensa que são inimigos. Os seus amigos, os seus inimigos, boas e más pessoas, circunstâncias favoráveis, circunstâncias desfavoráveis - todos juntos estão criando o contexto em que você pode ser tranformado e se tornar um Buda. Seja grato a todos - àqueles que ajudaram, àqueles que atrapalharam, àqueles que foram indiferentes. Seja grato a todos, pois todos juntos estão criando o contexto em que Budas são criados, em que você pode se tornar um Buda.
OSHO

quarta-feira, 3 de junho de 2009




"...Os milagres caem como gotas de chuva regeneradora do Céu sobre um mundo seco e poeirento, onde criaturas famintas e sedentas vêm para morrer. Agora, elas têm água. Agora, o mundo está verde. E, em toda a parte, surgem sinais de vida para mostrar que o que nasceu nunca pode morrer, pois o que tem vida tem imortalidade..."

Trecho do Livro Um Curso em Milagres

segunda-feira, 1 de junho de 2009



A oração Silenciosa é um reconhecimento de Tudo O Que É.
Nesta oração eu sei que tudo que eu evoquei foi ouvido pelo espírito e que me foi dado tudo aquilo que pedi.
É um reconhecimento de que minha alma é completa no amor e na graça de Deus.
É um reconhecimento de meu total estado de perfeição e de Ser.
Tudo aquilo que desejo, tudo o que quero co-criar, já esta dentro de minha realidade.
Eu a chamo de Prece Silenciosa porque sei que meu ser já está realizado.
Não há necessidade de pedir nada ao espírito, porque tudo já lhe foi dado.
Em meu coração, eu aceito meu Ser Perfeito.
Eu aceito que a alegria que eu quis já esta em minha vida.
Eu aceito que o amor que rezei por ter já está dentro de mim.
Eu aceito que a paz que pedi já faz parte de minha realidade.
Eu aceito que a abundância que procurei já preenche minha vida.
Em minha verdade, eu aceito meu Ser Perfeito.
Eu assumo responsabilidade por minhas próprias criações,E todas as coisas que estão dentro de minha vida.
Eu reconheço o poder do espírito que está dentro de mim,
E sei que todas as coisas são como devem ser.
Em minha sabedoria, eu aceito meu Ser Perfeito.
Minhas lições foram cuidadosamente escolhidas por mim mesmo,
E agora eu caminho por elas em completa experiência.
Meu caminho me leva em uma jornada sagrada com propósito divino.
Minhas experiências se tornam parte de tudo que há.
Em meu conhecimento, eu aceito meu Ser Perfeito.
Neste momento, eu me sento em minha cadeira de ouro
E sei que sou um anjo de luz.
Eu olho sobre a bandeja dourada- o presente doespírito-
E sei que todos os meus desejos já foram realizados.
Em amor por mim mesmo, eu aceito meu Ser Perfeito.
Não faço julgamentos nem ponho fardos sobre mim mesmo.
Eu aceito que tudo em meu passado foi dado em amor.
Eu aceito que tudo neste momento vem do amor.
Eu aceito que tudo no meu futuro resultará sempre em amor maior.
Em meu ser, eu aceito minha perfeição.
E assim é.

De Tobias como canalizado por Geoffrey Hoppe


domingo, 10 de maio de 2009

A mãe mais chata do mundo



Eu o amo o suficiente para o deixar ver além do amor que eu sinto por você, o desapontamento e também as lágrimas nos meus olhos. Eu o amo o suficiente para o deixar assumir a responsabilidade das suas ações, mesmo quando as penalidades são tão duras que me partem o coração. Mais do que tudo, eu o amo o suficiente para dizer-lhe não, quando eu sei que você pode me odiar por isso (e em alguns momentos até odeia). Essas são as mais difíceis batalhas de todas. Mas... no final você vencerá também! E em qualquer dia, quando meus netos forem crescidos o suficiente para entenderem a lógica que motiva as mães; quando eles lhe perguntarem se sua mãe era má, você vai lhes dizer: “Sim, minha mãe era má. Era a mãe mais má do mundo...
As outras crianças comiam doces no café e eu não podia.
As outras crianças bebiam refrigerante e comiam batatas fritas e sorvetes no almoço e eu tinha que comer arroz, feijão, carne, legumes e frutas.
Minha mãe tinha que saber quem eram meus amigos e o que eu fazia com eles.Insistia que lhe dissesse com quem iria sair, mesmo que demorasse apenas uma hora ou menos. Ela insistia sempre comigo para que lhe disséssemos sempre a verdade e apenas a verdade.
E quando era adolescente, ela conseguia até ler os meus pensamentos. A minha vida era mesmo chata! Enquanto todos podiam voltar tarde da noite com 12 anos, tive que esperar pelos 16 para chegar um pouco mais tarde, e aquela chata levantava para saber se a festa foi boa (só para ver como eu estava ao voltar).
Por causa de minha mãe, eu perdi imensas experiências na adolescência.
Nunca estive envolvido com drogas, em roubo, em atos de vandalismo, em violação de propriedade, nem fui preso por nenhum crime.
Foi tudo por causa dela!!!
Agora que já sou adulto, honesto e educado, estou fazendo o melhor para ser “pai mau”, como minha mãe foi.
Eu acho que este é um dos males do mundo de hoje:
Não há "mães más" suficientes!
...
Deconheço a autoria desse lindo texto. Principalmente da primeira parte. Se alguém souber, por gentileza, me envie para que eu possa publicar os merecidos créditos.
...
...
Dedico esse lindo texto ao
Stefano, meu filho,

Apesar de toda a minha chatice, existe um imenso amor por detrás de todos os atos, palavras e exigências. A maior expressão de meu amor por você é a preocupação que tenho com tua felicidade; o homem que irá se tornar, a família que poderá construir, as pessoas que irá atrair em seu caminho; os talentos que você pode desenvolver, a sabedoria, a calma e as verdades que podem fazer parte de tua vida. Haverá uma hora em que te deixarei ir com tuas próprias pernas, porém, espero que esta seja a hora em que você, espontaneamente, pedirá meus conselhos.
Da (sua)mãe mais chata do mundo,
Com carinho,
Lílian

quinta-feira, 7 de maio de 2009

O convite




Não me interessa qual é o teu modo de vida.......
Não me interessa qual é o teu modo de vida.
Quero saber o que anseias, e se ousas sonhar conhecer os desejos do teu coração.
Não me interessa que idade tens.
Quero saber se arriscas procurar que nem um louco o amor, os sonhos, a aventura de estar vivo. Não me interessa saber quais os planetas que estão em quadratura com a tua lua.
Quero saber se tocaste o centro da tua própria dor, se estiveste aberto às traições da vida ou te encolheste e te fechaste com medo de outros sofrimentos!
Quero saber se consegues sentar-te com a dor, a minha ou a tua, sem te mexeres para a esconder, disfarçar ou compor.
Quero saber se consegues viver a alegria, a minha ou a tua; se consegues dançar com loucura e deixar que o êxtase te encha até às pontas dos pés e das mãos sem nos advertires para termos cuidado, sermos realistas, ou nos relembrares as limitações de ser humano.
Não me interessa se a história que me contas é verdadeira.
Quero saber se consegues desapontar o outro para seres verdadeiro contigo mesmo; se consegues suportar a acusação de traição e não atraiçoares a tua própria alma.
Quero saber se consegues ser fiel e, por isso, digno de confiança.
Quero saber se consegues ver beleza mesmo num dia não muito bonito, e se consegues alimentar a tua vida da presença de Deus.
Quero saber se consegues viver com o erro, teu e meu, e mesmo assim ficar de pé à beira de um lago e gritar à Lua prateada, "Sim!"
Não me interessa onde vives nem quanto dinheiro tens.
Quero saber se, depois de uma noite de dor e desespero, exausto, dorido até ao tutano, consegues levantar-te e ocupares-te das necessidades das crianças.
Não me interessa quem és, como chegaste aqui.
Quero saber se permaneces no centro do fogo comigo sem te ires embora.
Não me interessa onde ou o quê ou com quem estudaste.
Quero saber o que te sustém interiormente quando tudo o mais cai à tua volta.
Quero saber se consegues estar só contigo mesmo; e se verdadeiramente gostas da companhia que tens nos momentos vazios.


...

O Convite, de Oriah Mountain Dreamer, escritora norte-americana, Maio, 1994

Texto retirado do bloghttp://www.monicacamacho.com




- Mestre, como faço para me tornar sábio?

- Boas escolhas.

- Mas como fazer boas escolhas?

- Experiência - diz o mestre.

- E como adquirir experiência, mestre?

- Más escolhas
...
Recebi esse diálogo por e-mail, desconheço autoria.

quarta-feira, 6 de maio de 2009

Carta de Clarice



Estou com saudade de falar, citar ou transcrever trechos sobre a Clarice aqui no blog. Recorro a ela sempre que necessito fortalecer minha alma das certezas invisíveis que colho pelo caminho. Clarice me acalma, me sinaliza que o fim do caminho é apenas mais uma oportunidade de recomeço... Então...Acompanhem essa linda carta escrita por ela à sua irmã, Tânia Kaufmam e reflitam em cada palavra, conectem-se à energia da autora, alguém que nunca teve medo de olhar para si e...Renascer. Sempre...





Berna, 6 janeiro 1948


Minha florzinha,


Recebi sua carta desse estranho Bucsky, datada de 30 de dezembro. Como fiquei contente, minha irmãzinha, com certas frases suas. Não diga porém: descobri que ainda há muita coisa viva em mim. Mas não, minha querida ! Você está toda viva! Somente você tem levado uma vida irracional, uma vida que não parece com você. Tania, não pense que a pessoa tem tanta força assim a ponto de levar qualquer espécie de vida e continuar a mesma. Até cortar os próprios defeitos pode ser perigoso, nunca se sabe qual é o defeito que sustenta nosso edifício inteiro. Nem sei como lhe explicar, querida irmã, minha alma. Mas o que eu queria dizer é que a gente é muito preciosa, e que é somente até certo ponto que a gente pode desistir de si própria e se dar aos outros e às circunstâncias. Depois que uma pessoa perder o respeito de si mesma e o respeito de suas próprias necessidades, depois disso fica-se um pouco um trapo.Eu queria tanto, tanto estar junto de você e conversar, e contar experiências minhas e de outros. Você veria que há certos momentos em que o primeiro dever a realizar é em relação a si mesmo. Eu mesma não queria contar a você como estou agora, porque achei inútil. Pretendia apenas lhe contar o meu novo caráter, ou falta de caráter, um mês antes de irmos para o Brasil, para você estar prevenida. Mas espero de tal forma que no navio ou avião que nos levar de volta eu me transforme instantaneamente na antiga que eu era, que talvez nem fosse necessário contar. Querida, quase quatro anos me transformaram muito. Do momento em que me resignei, perdi toda a vivacidade e todo interesse pelas coisas. Você já viu como um touro castrado se transforma num boi ? assim fiquei eu...., em que pese a dura comparação....Para me adatar (sic) ao que era inadatável (sic), para vencer minhas repulsas e meus sonhos, tive que cortar meus guilhões, cortei em mim a força que poderia fazer mal aos outros e a mim. E com isso cortei também minha força. Espero que você nunca me veja assim resignada, porque é quase repugnante.Espero que o navio que nos leve de volta, só a idéia de ver você e de retomar um pouco minha vida, que não era maravilhosa mas era uma vida, eu me transformei inteiramente. Mariazinha, mulher do Milton, um dia desses encheu-se de diferente, não era? Ela disse que me achava ardente e vibrante, e que quando me encontrou agora e disse: ou esta calma excessiva é uma atitude ou então ela mudou tanto que parece quase irreconhecível. Uma outra pessoa disse que eu me movo com uma lasidão de mulher de cinqüenta anos. Tudo isso você não vai ver nem sentir, queira Deus. Não haveria nem necessidade de lhe dizer, então....Mas não pude deixar de querer lhe mostrar o que pode acontecer com uma pessoa que fez pacto com todos, e que se esqueceu de que o nó vital de uma pessoa deve ser respeitado. Minha irmãzinha, ouça meu conselho, ouça meu pedido: respeite mesmo o que é ruim em você – respeite sobretudo o que você imagina que é ruim em você – pelo amor de Deus, não queira fazer de você uma pessoa perfeita – não copie uma pessoa ideal, copie você mesma – é esse o único meio de viver. Eu tenho tanto medo de que aconteça com você o que aconteceu comigo, pois nós somos parecidas. Juro por Deus que se houvesse um céu, uma pessoa que se sacrificou por covardia – será punida e irá para um inferno qualquer. Se é que uma vida morna não será punida por essa mesma mornidão. Pegue para você o que lhe pertence, e o que lhe pertence é tudo aquilo que sua vida exige. Parece uma moral amoral. Mas o que é verdadeiramente imoral é ter desistido de si mesma. Espero em Deus que você acredite em mim. Gostaria mesmo que você me visse e assistisse minha vida sem eu saber – pois somente saber de sua presença me transformaria e me daria vida e alegria. Isso seria uma lição para você. Ver o que pode suceder quando se pactuou com a comodidade de alma. Tenha coragem de se transformar, minha querida, de fazer o que você deseja – seja sair nos week-end, seja o que for. Me escreva sem a preocupação de falar coisas neutras – porque como poderíamos fazer bem uma a outra sem esse mínimo de sinceridade ?Que o ano novo lhe traga todas as felicidades, minha querida. Receba um abraço de muita saudade, de enorme saudade de sua irmã


Clarice.

quarta-feira, 29 de abril de 2009


Sonhar
Mais um sonho impossível
Lutar
Quando é fácil ceder
Vencer
O inimigo invencível
Negar
Quando a regra é vender
Sofrer
A tortura implacável
Romper
A incabível prisão
Voar
Num limite improvável
Tocar
O inacessível chão
É minha lei, é minha questão
Virar esse mundo
Cravar esse chão
Não me importa saber
Se é terrível demais
Quantas guerras terei que vencer
Por um pouco de paz
E amanhã, se esse chão que eu beijei
For meu leito e perdão
Vou saber que valeu delirar
E morrer de paixão
E assim, seja lá como for
Vai ter fim a infinita aflição
E o mundo vai ver uma flor
Brotar do impossível chão
.
.
.
Sonho Impossível
Chico Buarque
Composição: Joe Darion, Mitch Leigh (versão em português de Chico Buarque)
.
.
.
Quantas partes de você já deixou pelo caminho?
Quantas guerras teve que vencer por um pouco de PAZ?...
.
.
Fique com Deus!


domingo, 12 de abril de 2009

Sobre a Páscoa



Hoje recebi um e-mail que fala sobre o significado da Páscoa. Achei interessante postar aqui, um pequeno trecho, pois vai de encontro com alguns textos e entrelinhas que tenho publicado.


"Renascer é nascer, somos nós mesmos que renascemos nos nossos filhos, é a vida que se pereniza na prole. A fuga dos hebreus é o fim da escravidão de um povo. A escravidão equivale à morte, escravizar equivale a tirar a vontade e a alma de alguém, equivale a tirar sua vida.
Se libertar da escravidão é viver de novo, é renascer, é estar sempre começando tudo de novo.


Por fim, Jesus é a ressurreição. Quer prova mais clara do que digo? Este eterno milagre que nos encanta é o milagre da vida que a Páscoa nos relembra.


A Páscoa é a ressurreição das nossas almas. Este é o dia de renascer, começar tudo de novo.
De nos libertamos do mal que corrompeu nossas almas e nos recobrirmos com o véu da pureza da alma que tivemos um dia.
Abandonar tudo o que é velho e antigo e olhar pra frente com coragem.
Dedicarmo-nos à vida como quem sorve o sumo de um fruto saboroso.
Hoje é dia de renascer.”


Infelizmente, quem me enviou não mencionou o nome do autor...

...

E, falando em renascimento, na pureza da alma que tivemos um dia... Não resisto e emendo com um lindo poema de Manuel Bandeira:


Belo belo belo,

Tenho tudo quanto quero.

Tenho o fogo de constelações extintas há milênios.

E o risco brevíssimo - que foi? passou - de tantas estrelas cadentes.

.

A aurora apaga-se,

E eu guardo as mais puras lágrimas da aurora.

O dia vem, e dia adentro

Continuo a possuir o segredo grande da noite.

.

Belo belo belo,

Tenho tudo quanto quero.

Não quero o êxtase nem os tormentos.

Não quero o que a terra só dá com trabalho.

As dádivas dos anjos são inaproveitáveis:Os anjos não compreendem os homens.

.

Não quero amar,

Não quero ser amado.

Não quero combater,

Não quero ser soldado.

Quero a delícia de poder sentir as coisas mais simples


Manuel Bandeira




quinta-feira, 9 de abril de 2009



"...uma coisa só merece nosso carinho e nossa admiração, uma coisa só...
É o despertar de algo no fundo dos fundos da alma.
Quem o sente não o pode expressar em palavras.
E quem não o sente, não poderá, nunca, conhecê-lo através das palavras.
Faço votos para que aprendas a amar as tempestades, ao invés de fugir delas."

Trecho de A Tempestade, de Calil Gibran

Ainda ontem pensava que não era



Ainda ontem pensava que não era
mais do que um fragmento trêmulo sem ritmo
na esfera da vida.
Hoje sei que sou eu a esfera,
e a vida inteira em fragmentos rítmicos move-se em mim.
.
Eles dizem-me no seu despertar:
" Tu e o mundo em que vives não passais de um grão de areia
sobre a margem infinita
de um mar infinito."
.
E no meu sonho eu respondo-lhes:
.
"Eu sou o mar infinito,
e todos os mundos não passam de grãos de areia
sobre a minha margem."
.
Só uma vez fiquei mudo.
Foi quando um homem me perguntou:
"Quem és tu?"
.
Kahlil Gibran
.
O que dizer desses dois textos acima, senão que eles me encontraram ou eu a eles, exatamente porque vivemos um momento de sintonia fina, onde cada palavra, escrita pelo autor, representa uma longa caminhada em minha vida, um novo olhar, meu, recomeçando, refazendo-me...
Sempre...
.
Lílian Baroni

quarta-feira, 8 de abril de 2009

Sem mais...




Hoje sou profundidade emergente,
Quase chego a mim...


Hoje quero a presença abstrata

O cheiro da esperança,

Quero a eternidade de um segundo,

Sinônimos e antônimos,

Quero capturar a vida,

Em cores,

Sem artifícios...


Quero acabar e continuar,

Quero poesia e intenções,

Quero explodir em pingos

Extravasar

Escorrer

Inundar-me

Do verde do mar


Deixar a vida ir,

Sem ter que decidir

Se fico ou se vou,

Se luto ou se,

Simplesmente,

Sou...

...

Autoria: Lílian Baroni

Despedida

Em homenagem a esta grande e imortal poetisa, Cecília Meireles...
Acho que os professores deviam explorar mais o ensino do português através da literatura, assim, os alunos estariam adquirindo conhecimento da língua pátria, enquanto ampliam, também, a linguagem da alma...




Por mim e por vós, e por mais aquilo que está
Onde as outras coisas nunca estão,
Deixo o mar bravo e o céu tranqüilo:
Quero solidão
.
Meu caminho é sem marcos nem paisagens.
E como o conheces? - me perguntarão. -
Por não ter palavras, por não ter imagens.
Nenhum inimigo e nenhum irmão.
.
Que procuras? Tudo.
Que desejas? - Nada.
Viajo sozinha com o meu coração.
Não ando perdida, mas desencontrada.
Levo o meu rumo na minha mão.
.
A memória voou da minha fronte.
Voou meu amor, minha imaginação...
Talvez eu morra antes do horizonte.
Memória, amor e o resto onde estarão?
.
Deixo aqui meu corpo, entre o sol e a terra.
(Beijo-te, corpo meu, todo desilusão!
Estandarte triste de uma estranha guerra...)
Quero solidão.
.

Livre Arbítrio



LIVRE ARBÍTRIO

Todo o homem tem o direito a ser feliz e a dar-se bem na vida. É aqui que entra a vontade, o livre arbítrio. É aqui que entra a capacidade de o homem conectado ser profundamente bem sucedido a todos os níveis perante as Leis de Deus
...
A Entrega, de Alexandra Solnado

Só sabendo quem sou posso escolher, fazer as minhas escolhas utilizando o meu livre arbítrio, sem o receio de que essas escolhas sejam contra a minha natureza e o caminho que vim trilhar na terra.Só respeitando quem sou e escolhendo de acordo, posso ilimitar os meus horizontes, ampliando cada vez mais toda a minha energia original.Porque só a energia original se amplia. A energia do ego, aquela que acha que devo ser isto ou aquilo por me convir mais sê-lo, essa energia de defesa, de quem vibra pelo medo, não se amplia. Pelo contrário. Reduz, retrocede, remete para segundo plano.Ser. Ser é a chave da questão. Se sou, se ouço o silêncio que mora em mim, torno-me invencível, pois a força vem de dentro, de uma capacidade que a fé tem de mover todas as montanhas, apenas pelo poder de quem acredita que as montanhas podem voar.
Este Jesus Cristo Que Vos Fala, Livro 3/A Era da Liberdade, de Alexandra Solnado
...
...
Em suma. Escolher é ser. Ser é existir sem medo. E para existir sem medo é preciso enfrentá-lo.Quando se consegue enfrentar o medo, liberta-se dele.Quando já não há medo, acede-se ao eu actual e, consequentemente, à missão, conseguindo concretizá-la.Ao aceder ao eu actual consegue-se ser.E consegue-se, por conseguinte, escolher.Vês o círculo? Tudo se encaixa quando é executado em conformidade com a natureza de cada um.
Se fores uma pessoa que vive em paz com o seu coração e as suas emoções, vais estar suficientemente em contacto com o que sentes para perceberes o que é bom ou mau para ti. O que te reduz e o que te amplia.Se estiveres em contacto com esta informação, do que é bom ou mau para ti, vais necessitar cada vez mais de estar em contacto com as coisas que te fazem bem. As que te ampliam como ser humano. Como alma.Ao abrires o coração e aceitares sentir, o portal energético abre-se e começa a canalizar informação através da intuição.Ao intuíres o que é bom para ti e, posteriormente, escolheres sempre em função do que é bom para ti, sentir-te-ás confortável a maior parte do tempo. Ao ficares confortável, relaxada, com espírito positivo, o canal abrir-se-á naturalmente e começas a subir, a subir... e dá-se a conexão.

...

A Alma Iluminada, de Alexandra Solnado


Texto retirado, na íntegra, do site http://www.alexandrasolnado.com

domingo, 5 de abril de 2009

Recomeçar




Não importa onde você parou, em que momento da vida você cansou,
O que importa é que sempre é possível e necessário “Recomeçar”.
Recomeçar é dar uma nova chance a si mesmo.
É renovar as esperanças na vida e o mais importante:acreditar em você de novo.
Sofreu muito nesse período? Foi aprendizado.
Chorou muito? Foi limpeza da alma.
Ficou com raiva das pessoas? Foi para perdoá-las um dia.
Sentiu-se só por diversas vezes? É por que fechaste a porta até para os outros.
Acreditou que tudo estava perdido? Era o início da tua melhora.
Pois é! Agora é hora de iniciar, de pensar na luz, de encontrar prazer nas coisas simples de novo.
Que tal um novo emprego? Uma nova profissão? Um corte de cabelo arrojado, diferente?
Um novo curso ou aquele velho desejo de aprender a pintar, desenhar, dominar o computador,ou qualquer outra coisa?
Olha quanto desafio. Quanta coisa nova nesse mundão de meu Deus te esperando.
Tá se sentindo sozinho? Besteira! Tem tanta gente que você afastou com o seu “período de isolamento”, tem tanta gente esperando apenas um sorriso teu para “chegar” perto de você.
Quando nos trancamos na tristeza nem nós mesmos nos suportamos.
Ficamos horríveis. O mau humor vai comendo nosso fígado, até a boca ficar amarga.
Recomeçar! Hoje é um bom dia para começar novos desafios.
Onde você quer chegar? Ir alto. Sonhe alto, queira o melhor do melhor,queira coisas boas para a vida. Pensamentos assim trazem para nós aquilo que desejamos.
Se pensarmos pequeno, coisas pequenas teremos.
Já se desejarmos fortemente o melhore principalmente lutarmos pelo melhor, o melhor vai se instalar na nossa vida.
E é hoje o dia da Faxina Mental.
Joga fora tudo que te prende ao passado, ao mundinho de coisas tristes, fotos, peças de roupa, papel de bala, ingressos de cinema, bilhetes de viagens, e toda aquela tranqueira que guardamos quando nos julgamos apaixonados. Jogue tudo fora. Mas, principalmente, esvazie seu coração. Fique pronto para a vida, para um novo amor.
Lembre-se, somos apaixonáveis, somos sempre capazes de amar muitas e muitas vezes.

Afinal de contas,nós somos o “Amor”.

Autoria: Paulo Roberto Gaefke

quinta-feira, 2 de abril de 2009



Nasceste no lar que precisavas,
Vestiste o corpo físico que merecias,
Moras onde melhor Deus te proporcionou,
De acordo com teu adiantamento.
Possuis os recursos financeiros coerentes
Com as tuas necessidades, nem mais,nem menos, mas o justo para as tuas lutas terrenas.
Teu ambiente de trabalho é o que elegeste espontaneamente para a tua realização.
Teus parentes, amigos são as almas que atraíste, com tua própria afinidade.
Portanto, teu destino está constantemente sob teu controle.
Tu escolhes, recolhes, eleges, atrais,buscas, expulsas, modificas tudo aquilo que te rodeia a existência.
Teus pensamentos e vontade são a chave de teus atos e atitudes....
São as fontes de atração e repulsão na tua jornada vivência.
Não reclames nem te faças de vítima.
Antes de tudo, analisa e observa.
A mudança está em tuas mãos.
Reprograma tua meta,
Busca o bem e viverás melhor.
Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo,
Qualquer Um pode Começar agora e fazer um Novo Fim.

sexta-feira, 27 de março de 2009



Então, Almitra disse: 'Fala-nos do amor'

E ele ergueu a fronte e olhou para multidão, e um silêncio caiu sobre todos, e com uma voz forte, disse:

'Quando o amor vos chamar, segui-o,Embora seus caminhos sejam agrestes e escarpados;E quando ele vos envolver com suas asas, cedei-lhe,Embora a espada oculta na sua plumagem possa ferir-vos;E quando ele vos falar, acreditai nele,Embora sua voz possa despedaçar vossos sonhos comoo vento devasta o jardim.

Pois, da mesma forma que o amor vos coroa, assim ele vos crucifica. E da mesma forma que contribui para vosso crescimento, trabalha para vossa poda.E da mesma forma que alcança vossa altura e acaricia vossos ramos mais tenros que se embalam ao sol,Assim também desce até vossas raízes e as sacode no seu apego à terra.Como feixes de trigo, ele vos aperta junto ao seu coração.Ele vos debulha para expor vossa nudez.Ele vos peneira para libertar-vos das palhas.Ele vos mói até a extrema brancura.Ele vos amassa até que vos torneis maleáveis.Então, ele vos leva ao fogo sagrado e vos transformano pão místico do banquete divino.Todas essas coisas, o amor operará em vós para que conheçais os segredos de vossos corações e, com esse conhecimento, vos convertais no pão místico do banquete divino.

Todavia, se no vosso temor, procurardes somente apaz do amor e o gozo do amor,Então seria melhor para vós que cobrísseis vossa nudez e abandonásseis a eira do amor,Para entrar num mundo sem estações, onde rireis, mas não todos os vossos risos, e chorareis, mas não todas as vossas lágrimas.O amor nada dá senão de si próprio e nada recebe senão de si próprio.O amor não possui, nem se deixa possuir.

Pois o amor basta-se a si mesmo.Quando um de vós ama, que não diga: 'Deus está no meu coração', mas que diga antes: 'Eu estou no coração de Deus.'E não imagineis que possais dirigir o curso do amor pois o amor, se vos achar dignos, determinará ele próprio o vosso curso.O amor não tem outro desejo senão o de atingira sua plenitude.

Se, contudo, amardes e precisardes ter desejos, sejam estes os vossos desejos:De vos diluirdes no amor e serdes como um riacho que canta sua melodia para a noite;De conhecerdes a dor de sentir ternura demasiada;De ficardes feridos por vossa própria compreensão do amor e de sangrardes de boa vontade e com alegria;De acordardes na aurora com o coração alado e agradecerdes por um novo dia de amor;

De descansardes ao meio-dia e meditardes sobre o êxtase do amor;De voltardes para casa à noite com gratidão;E de adormecerdes com uma prece no coração para o bem-amado, e nos lábios uma canção de bem-aventurança.

Calil Gibran

sábado, 14 de março de 2009

Revolução da Alma


Ninguém é dono da sua felicidade,
por isso não entregue sua alegria, sua paz sua vida nas mãos de ninguém,
absolutamente ninguém.
Somos livres, não pertencemos a ninguém e não podemos querer ser donos dos desejos,
da vontade ou dos sonhos de quem quer que seja.
A razão da sua vida é você mesmo.
A tua paz interior é a tua meta de vida.
Quando sentires um vazio na alma, quando acreditares que ainda está faltando algo,
mesmo tendo tudo, remete teu pensamento para os teus desejos mais íntimos e busque a divindade que existe em você. Pare de colocar sua felicidade cada dia mais distante de você.
Não coloque o objetivo longe demais de suas mãos: abrace os que estão ao seu alcance hoje.
Se andas desesperado por problemas financeiros, amorosos, ou de relacionamentos familiares, busca em teu interior a resposta para acalmar-te, você é reflexo do que pensas diariamente. Pare de pensar mal de você mesmo(a), e seja seu melhor amigo(a) sempre.
Sorrir significa aprovar, aceitar, felicitar. Então abra um sorriso para aprovar o mundo que te quer oferecer o melhor. Com um sorriso no rosto as pessoas terão as melhores impressões de você, e você estará afirmando para você mesmo que está "pronto“ para ser feliz. Trabalhe, trabalhe muito a seu favor. Pare de esperar a felicidade sem esforços. Pare de exigir das pessoas aquilo que nem você conquistou ainda. Critique menos, trabalhe mais.
E não se esqueça nunca de agradecer.
Agradeça tudo que está em sua vida nesse momento (...)
Nossa compreensão do universo ainda é muito pequena para julgar o que quer que seja na nossa vida.
A grandeza (da vida)não consiste em receber honras, mas em merecê-las.

Texto de Paulo Roberto Gaefke

sexta-feira, 13 de março de 2009

Arriscar é Preciso




Arriscar é preciso
Diz-se que, mesmo antes de um rio cair no oceano

ele treme de medo.

Olha para trás,

para toda a jornada,

os cumes, as montanhas,

o longo caminho sinuoso

através das florestas,

através dos povoados,

e vê à sua frente um oceano tão vasto

que entrar nele

nada mais é

do que desaparecer para sempre.

Mas não há outra maneira.

O rio não pode voltar.

Ninguém pode voltar.

Voltar é impossível na existência.

Você pode apenas ir em frente.

O rio precisa se arriscar

e entrar no oceano.

E somente quando ele entra no oceano

é que o medo desaparece.

Porque, apenas então, o rio saberá

que não se trata de desaparecer no oceano.

Mas tornar-se oceano.

Por um lado é desaparecimento

e por outro, renascimento...


(Autor desconhecido)

quarta-feira, 11 de março de 2009

Parolagem da Vida




Como a vida muda.

Como a vida é muda.

Como a vida é nuda.

Como a vida é nada.

Como a vida é tudo.

Tudo que se perde

mesmo sem ter ganho.

Como a vida é senha

de outra vida nova

que envelhece

antes de romper o novo.

Como a vida é outra

sempre outra, outra

não a que é vivida.

Como a vida é vida

ainda quando morte

esculpida em vida.

Como a vida é forte

em suas algemas.

Como dói a vida

quando tira a veste

de prata celeste.

Como a vida é isto

misturado àquilo.

Como a vida é bela

sendo uma pantera

de garra quebrada.

Como a vida é louca

estúpida, mouca

e no entanto chama

a torrar-se em chama.

Como a vida chora

de saber que é vida

e nunca nunca nunca

leva a sério o homem,

esse lobisomem.

Como a vida ri

a cada manhã

de seu próprio absurdo

e a cada momento

dá de novo a todos

uma prenda estranha.

Como a vida joga

de paz e de guerra

povoando a terra

de leis e fantasmas.

Como a vida toca

seu gasto realejo

fazendo da valsa

um puro Vivaldi.

Como a vida vale

mais que a própria vida

sempre renascida

em flor e formiga

em seixo rolado

peito desolado

coração amante.

E como se salva

a uma só palavra

escrita no sangue

desde o nascimento: amor, vidamor


(Carlos Drummond de Andrade)




segunda-feira, 9 de março de 2009

Pai Nosso da Quaresma


"Pai Nosso ó Grande Criador Cósmico Divino,
Que vossa Luz irradie e vibre, e acima de tudo amacie os corações de todos os Seres na Terra agora.
Que possais esculpir novos espaços dentro de cada um de nós, com a vossa "Presença".Que possais preencher com criatividade tudo aquilo que nós somos.Que possais fortalecer a nossa Mente Crística para que possamos prover o fruto da nossa Missão ao mundo neste momento de Quaresma.
Que nós possamos agir de acordo com os frutos da Vossa Consciência, de acordo com o Desejo Maior da nossa Presença "EU SOU" .
Que todos possamos ser providos com a "Grande Sabedoria Infinita".
Que todos possamos compartilhar em cada ser as necessidades que crescem e florescem em todos corações.
"Pai ", ajudai-nos durante esta Quaresma a desfazermos os nós de todos os fios emaranhados do nosso destino. Ajudai-nos mais uma vez unir os nossos corações na verdade.
Que possamos libertar outras pessoas ou manifestações que não mais pertencem às nossas vidas.
Que possamos libertar fios que estejam presos por enganos passados.
Que vidas passadas sejam perdoadas, e que nesta Quaresma do Ano 2009, todos possamos vibrar na "Energia da Luz".
"Pai Crístico" que possamos não mais ser seduzidos pelas energias que nos distanciam da Luz e de nossa "Natureza Divina", mas que possamos Iluminar as oportunidades do momento presente , assim atraindo o potencial da Co-Criação de uma nova vida em nós agora.
" Vós, o Grande Círculo da Eternidade, Ó Grande Abundância Infinita, que possamos refletir Vosso Poder, a Grande Forma da Criação, a Grande Realização, e que juntos possamos nos unir para que possamos todos formar a Unidade no Ciclo Crístico da vida uma vez mais " .


Muita Paz em nossos corações, para que possamos receber a intuição limpa a nos iluminar caminhos e também amainar nossas emoções humanas, fazendo-nos aceitar, com desprendimento, as provas que ainda se façam necessárias.
* Créditos www.pax.org.br - www.carmenbalhestero.com.br

Esta oração foi retirada do blog http://conexoesdeluz.blogspot.com/