sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009




"O tempo é o maior tesouro de que um homem pode dispor.

Embora, inconsumível, o tempo é o nosso melhor alimento.

Sem medida que eu conheça, o tempo é contudo nosso bem de maior grandeza.

Não tem começo, não tem fim.

Rico não é o homem que coleciona e se pesa num amontoado de moedas, nem aquele devasso que estende as mãos e braços em terras largas.

Rico só é o homem que aprendeu, piedoso e humilde, a conviver com o tempo, aproximando-se dele com ternura. Não se rebelando contra o seu curso.

Brindando antes com sabedoria para receber dele os favores e não sua ira.

O equilíbrio da vida está essencialmente neste bem supremo.

E quem souber com acerto a quantidade de vagar com a de espera que se deve pôr nas coisas, não corre nunca o risco de buscar por elas e defrontar-se com o que não é.


Pois só a justa medida do tempo, dá a justa 'atudeza' das coisas."

.

Autoria:Raduan Nassar
Imagem: Rarindra Prakarsa


Um comentário:

Maria Regina disse...

gostei muito dos textos escolhidos e principalmente do Secret garden tocando ao fundo. Quanta singeleza, quanta sensibilidade.E o texto de Raduan Nassar, um verdadeiro primor.
Um abraço
De quem também tem alma e não tem calma
ceste